Procure um Médico

Apesar da greve atendimento normal na Santa Casa de Valinhos

15 de fevereiro de 2017

Desde segunda-feira, 13, a Santa Casa de Valinhos vive um momento de muita tensão. O SINSAUDE, Sindicato da categoria realiza um movimento paredista e cobra da Mesa Administrativa, o pagamento dos salários dos funcionários de janeiro, que deveriam ter sido depositados no dia 6.

Apesar da greve deflagrada na terça-feira, dia 14, após ser aprovada em Assembleia, a situação no hospital está sob controle.

O provedor Cláudio Trombeta se pronunciou dizendo que apesar da situação de greve, os funcionários são responsáveis e o atendimento aos pacientes continua, tanto para os pacientes de convênios, particulares, como urgência e emergência.

“Estamos trabalhando numa urgência para fechar o convênio com a Prefeitura Municipal, que por questões legislativas demandou um tempo, que é desfavorável para a Santa Casa, pedimos calma para os nossos colaboradores, nos próximos dias tudo estará regularizado”.

O provedor informou ainda que Dr. Celso Límoli Junior – Diretor  da Santa Casa, está mantendo um plantão permanente, passando por todas as alas para que o atendimento seja preservado.

“Continuamos atendendo urgência e emergência que são encaminhados pelo UPA e estamos cobrando pelos serviços prestados em dezembro/ 16 e janeiro/ 17, sei que o momento é crítico, mas estamos trabalhando para reverter esta situação”, conclui o provedor.

Postado em Boletim