Procure um Médico

Santa Casa chega aos 60 anos renovada e com o compromisso de seguir rumo à excelência

15 de dezembro de 2020

Momentos de emoção, de encontros e de grande reconhecimento, assim foi a comemoração dos 60 anos da Santa Casa de Valinhos, realizado no sábado, 12 de dezembro, em espaço aberto, com todos os cuidados que o momento exige. Logo na entrada o músico Hilquias Alves dava o toque de suavidade com seu saxofone.
Num primeiro momento, o provedor Wagner Ceroni abriu agradecendo as presenças enaltecendo a importância das pessoas que escreveram o nome na história do hospital e de seu compromisso à frente da Santa Casa que é “Rumo à Excelência, 20 anos em dois”.
Às 9 horas, foram recepcionadas autoridades: Vice-Prefeita Laís Helena Aloise, Vice -Prefeito eleito Major Osvaldo Rocco, vereadores: André Amaral, Edson Secafim, Luiz Mayr Neto, vereadores eleitos: Thiago Samasso, Gabriel Bueno Fioravante, Marcelo Sussumo Yoshida, Eliane Macari presidente da FEAV, Pr. Marcelo Amgarten – Presidente da OMEV, Isabel Melani presidente do Lions Clube, Ex-provedores – Osvaldo Dias, Pr. Hiran Pimentel, Pr. Anips Spina, Cláudio Trombetta, Mário Masteguim – Presidente da Associação dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos de Valinhos, Fernando Pozzuto – Superintendente, demais convidados.
Algumas pessoas e empresas foram homenageados como o Supermercados Caetano, Kadplás, Grupo Rattis, e João Avanci da Agrossales, Lions Clube, OMEV, Família Parodi, Corpus, Empresa Itajubá, Serbom e FEAV.
O empresário Graciano Rattis, ao fazer uso da palavra fez uma cena, onde pediu a todos que ficassem em pé, imaginando em suas mãos, um arco e flecha, deveriam se voltar para o norte de olhos fechados, uns viraram de um lado, outros de outro e ele disse, se as pessoas não tiverem um norte, um fico único, vão se ferir umas às outras, e muitos querem ajudar, mas não sabem como precisam do norte, e fez um apelo aos empresários para que num determinado dia de cada mês, reservem uma pequena porcentagem do faturamento da empresa para a Santa Casa de Valinhos, isso vai fazer a diferença como ele já faz no Grupo Rattis de combustíveis, há cerca de cinco anos.
Às 10 horas chegaram os 14 fundadores, dos 246 iniciais que assinaram o livro de fundação do hospital no dia 10 de dezembro de 1960 e que ainda estão entre nós. Dona Amélia Spadaccia Almeida, Aurora Calsavara e José Vicente Signorini, Benedito Franco, Emilio Serrano Filho, Dr. Hélio Schiavinato, Hélio Rôveres, Euclides Tasca, Luiz Bissoto, José Moisés Barbarini, Mário Castelluber, Osvaldo Oliveira, Ozélio Biscardi Neto e Vitório Calsavara. Foram momentos de grande emoção para todos, que fizeram todo esforço para participar.
Homenageados também, os familiares de ex-provedores: José Spadaccia, Amélio Borin, Pr. Joaquim Luglio, Luiz de França Pinto, Nicemar de Amorin, Serafim Rafael Morelli, José Colluci
Dr. José Felipe Spadaccia falou em nome de todos, relembrando o momento da pedra fundamental, quando acompanhou o pai de calça curta e gravata borboleta e foi vendo a luta empreendida pelo pai para construção da Santa Casa, hoje, como médico atua no hospital com muito orgulho e carinho.
Também Ademir Morelli, filho de Serafim Rafael Morelli, disse que estava no dia da fundação, mas não assinou a ata, porque como o Felipe, seu pai não o deixou assinar, mas acompanhou o desenrolar da história e hoje feliz pelo reconhecimento dos feitos do pai.
A professora Maria José Bombonatti representou o pai Luiz de França Pinto e disse: “A cerimônia me emocionou muito, um filme passou pela minha mente, trazendo muitas lembranças”.
O filho de Nicemar de Amorin – Neumar e a mãe dona Neusa Amorin, agradeceram a homenagem. “Meu pai deve estar muito feliz com a lembrança”.
Foram homenageados os ex-provedores: Osvaldo Dias, Pr. Hiran A. Pimentel, Pr. Anips Spina, Claúdio Trombetta e Wagner Ceroni.
O médico, 1º diretor Clínico, responsável por trazer médicos importantes para a Santa Casa, Dr Admar Concon, foi representado pela esposa Dona Jocy, pelos filhos: Dr. Admar Concon Filho, Dra Maria Fernanda e João.
O grande parceiro de José Spadaccia – Dr. Silvio Antoniazzi, foi homenageado através de sua filha Arlete Antonazzi Alziri que ficou agradecida pela lembrança e parabenizou a organização do evento.
Lembrar de grandes colaboradores como Dr. Ricardo Manarini e José Milani Junior, que ajudaram financeiramente, na construção hospital, foi possível com a presença do neto de Ricardo Manarini – Heitor Manarini.
Na história de Valinhos, Monsenhor Bruno Nardini foi sempre destaque e a homenagem foi possível com a presença de seus sobrinho Edson Nardini; também a lembrança do arquiteto que projetou o hospital Gilberto Dutra, homenageado através das filhas: Dra Raquel e a Arquiteta Beatriz, que disseram estar felizes com a lembrança e poder constatar o feito do pai e que até hoje se apresenta de forma espetacular na saúde da população.
Médicos queridos como Dr. Ruy Meirelles, Dr. Antônio Bueno Conti, Dr. Celso Límoli Junior, Dr. Addel Hassan Latif, Dr. Lúcio Reis, Dra Eni Pinho, também fizeram parte das homenagens.
Reconhecido pela parceria – o Plano de Saúde Santa Casa de Valinhos, através de seu primeiro e atual presidente, Celso Beltramini e os funcionários: Terezinha Odila Zanbotti, com 44 anos de casa, Fernando Pozzuto com 39 anos e fazendo carreira mostrando as oportunidades que o hospital dá ao desenvolvimento de talentos é o atual Superintendente, João dos Santos Geraldo, ex administrador, aposentado, mas que voluntariamente continua atuando o hospital e ainda agraciados: Dr. Edson Conti e Marcos César Bortholloto.
Dr. Ruy Meirelles fechou a festividade, com uma fala forte e emocionada, lembrando de Dr. Admar Concon, e de José Spadaccia. “A Santa Casa de hoje não é mais aquela que foi inaugurada em 1965, melhorou muito, e eu continuo orgulhoso de atuar aqui”.

Postado em Boletim